Para uma melhor convivência (X)

convivencia
Não se compare com os outros, e sim com sua ações passadas

É importante procurar melhorar sempre, em todos os ambientes, analisar os seus erros e persistir para que não sejam feitos novamente faz crescermos, e traz muitas conquistas. Não inveje o que o outro tem ou o que ele conseguiu conquistar, fique feliz, todos merecem conquistar o que querem, mas não se  compare, fique feliz com o que tem e o que você é.
“ Deus nunca deixa de auxiliar a quem se esforça com boa vontade”

Para uma melhor convivência (IX)

convivencia

Estar em harmonia consigo mesmo é essencial para ter uma relação harmônica com os outros
Acho que este é o tópico mais difícil, porque é tão árduo ficarmos felizes com o que somos, por dentro e por fora. Damos tanta atenção aos nossos erros que não damos a oportunidade de florarmos diversos aspectos que queremos. Também, frequentemente nos comparamos com alguém,  “porque não tenho a autoestima daquela, o corpo da outra, o jeito de encarar as coisas como fulano.”  Ouvi outro dia uma frase no programa do Jô que achei muito boa, “Se você vai ter que conviver com você mesmo até o fim, se você vai ter que se aguentar até o fim, se você vai ser espectador de você mesmo até o fim, é melhor que se encante com o que faz.” Para ver a entrevista de Clovis de Barros Filho clique aqui http://vimeo.com/75703251 Acredito que se você vai ter que conviver consigo mesmo até o fim, é melhor que você se de bem consigo mesmo.